2020, vem com tudo!

janeiro 11, 2020 0 Comments A+ a-


Sugestão de música

Olá a todos e bem-vindos a mais um post, e a 2020!
Fazendo o balanço do ano anterior, posso dizer que, para mim, foi um ano difícil em termos de força psicológica e desgaste emocional. Estar longe de casa e dividida entre dois países não é fácil, todos o sabemos, requer força, coragem, e muita, muita insistência! Se um dia decidimos partir, pensando que nada temos a perder, no outro acordamos e perguntamo-nos "o que estou eu aqui a fazer?". 2019 foi um ano em que tive a tarefa difícil de aprender a ignorar a azáfama do meu interior e saber lidar com o silêncio ao meu redor. Apesar de me considerar uma pessoa muito otimista e animada, nem sempre consegui contornar os momentos menos bons da melhor forma e isso levou a que perdesse o entusiasmo e o incentivo para o que realmente importava. A determinado momento era apenas alguém que se levantava pela manhã, vestia o melhor sorriso, ia trabalhar, voltava para casa e fingia que foi tudo ótimo, quando já nem a minha expressão dizia o mesmo.

Nem todos os dias pensamos da mesma forma, e nem todos os dias são cinzentos e chuvosos (não falando do lado literal da coisa) e é aqui que entra 2020, para nos ensinar a começar, uma vez mais, do zero, para nos relembrar que quem traça o destino somos nós mesmos, e que todas as decisões estão ao nosso alcance. Tudo pode melhorar, e tudo pode ganhar forma se tivermos garras para isso.
2019, não vou mentir, foste um malandro comigo, mas também o fui contigo, podia ter dado mais de mim e podia ter retirado melhor partido das coisas, porém vou agradecer-te somente por me permitires reconhecer os trilhos que percorri, e as pessoas fantásticas que todos os dias mostram o que é amar, nas mais diversas formas e feitios. Não tenho tudo, mas não poderia pedir mais nada.

A título informal, dou graças a todos os bons momentos que tive o prazer de vivenciar, os sítios onde pude estar, e, a todos aqueles que me arrancaram um sorriso, obrigado, eu fui estou feliz!

(Já) com 23 anos, com o coração em Portugal e o corpo na Irlanda. Com a missão de conquistar sonhos, não só os meus, e com algum jeito para meia dúzia de frases. Bem-vindos ao meu blog!